13
nov2021
15h00 Até 16h30

B&M 2021 - ENCONTRO COM ESCRITORES | Hélia Correia, Tânia Ganho e Mary Bento

Alcobaça
Auditório da Biblioteca Municipal de Alcobaça Auditório da Biblioteca Municipal de Alcobaça
Livro

Sinopse

Encontro com escritores | Hélia Correia, Tânia Ganho e Mary Bento
Apresentação Literária com Venda de Livros
 
 
Local: Auditório da BMA
Horário: 15h00
Duração: 90 minutos
Público-Alvo: Público Geral
Classificação Etária: M/6
 
 
HÉLIA CORREIA
Hélia Correia nasceu em Lisboa. Licenciada em Filologia Românica, foi professora do ensino secundário. Poetisa e dramaturga, foi enquanto ficcionista que Hélia Correia se revelou como um dos nomes mais importantes e originais surgidos durante a década de 80, ao publicar, em 1981, O Separar das Águas. Seguiram-se romances como Montedemo, Casa Eterna (Prémio Máxima de Literatura, 2000), Insânia, Bastardia (Prémio Máxima de Literatura, 2006), Adoecer (Prémio Fundação Inês de Castro, 2010) e Um Bailarino na Batalha (Grande Prémio de Romance e Novela APE/ DGLAB, 2018). Na Poesia, tem uma vasta colaboração em antologias e jornais. A sua escrita para teatro tem privilegiado os clássicos gregos. Para a infância, salienta-se os livros da colecção Mopsos, o Pequeno Grego, Ouro de Delfos e A Coroa de Olímpia. Entre os vários prémios que recebeu, destaca-se o Prémio Camões (2015).
 
TÂNIA GANHO
Tânia Ganho nasceu em Coimbra, onde estudou e deu aulas de tradução como assistente convidada da Universidade. Depois de ter feito legendagem de filmes durante vários anos e de ter passado pela redação da SIC como tradutora de informação, decidiu dedicar-se exclusivamente à literatura. É tradutora de autores como David Lodge, Ali Smith, Rachel Cusk, Chimamanda Ngozi Adichie, Annie Proulx, Abha Dawesar, Jeanette Winterson e Anaïs Nin, entre muitos outros. Tem já publicados os romances A Vida sem Ti, Cuba Libre, A Lucidez do Amor e A Mulher-Casa, estes últimos na Porto Editora.
 
MARY BENTO
Mary Bento, filha de portugueses, nasceu na Venezuela, onde viveu até aos 2 anos de idade. Cresceu em Alcobaça, junto da sua família materna, onde fez a escolarização. Formou-se em Coimbra, em Serviço Social e trabalha desde então na área da reabilitação de pessoas com deficiência. É na realização dos seus relatórios sociais que se descobre na escrita. Gradualmente começou a escrever poemas e prosa sequente da frequência de Saraus de Poesia. Publicou em edição de autor a prosa "História do Quadro Branco". Participou na Antologia Perdidamente com o poema "Lugar Vago" - Pastelaria Studios; e na Antologia Poética "Escrever Alcobaça" das Edições Escafandro, com os poemas "Abraço" e "Mulher".
 
 
 
PROGRAMA COMPLETO AQUI - https://bit.ly/2Zry9Sj