01
nov2021 segunda
09h00
Até
21
nov2021 domingo
18h00

B&M 2021 | EXPOSIÇÃO - "A Minha Casa é o Meu Jardim" de Thierry Ferreira

Alcobaça
Alcobaça - Vários Alcobaça - Vários
Artes Plásticas

Sinopse

"A Minha Casa é o Meu Jardim" de Thierry Ferreira
Exposição de Arte Urbana
 
 
Local: Museu do Vinho | Parque Verde | Praça João de Deus Ramos
Horário: 09h00-18h00
Duração: patente até 31 de dezembro de 2021
Público-Alvo: Público Geral
Curadoria: Alberto Guerreiro e Thierry Ferreira
Produção: Thierry Ferreira | Câmara Municipal de Alcobaça – Museu do Vinho de Alcobaça
 
 
 
“A minha casa é o meu Jardim” é o título que acompanha a exposição de arte pública da autoria de Thierry Ferreira, inaugurada na cidade de Alcobaça a 17 de junho e ficará patente ao público até 31 de dezembro de 2021. Esta exposição é composta por um conjunto de esculturas contemporâneas de carácter monumental, organizadas num percurso entre o Parque Verde e o Museu do Vinho, e por uma exposição em formato museológico, nos espaços renovados da galeria do cais da Adega dos Balseiros e no edifício do Armazém Novo – Destilaria. A exposição “pretende ser um evento centrado na valorização e na relação entre o património natural e o construído através das artes, em que se propõe contrariar o olhar moldado do espetador pelo quotidiano, levando-o para uma nova perspetiva de apreender e questionar o seu modo de habitar o mundo. O cenário expositivo apresenta as possíveis relações entre Arte Pública e contextos específicos, tais como paisagem e arquitetura, e as incidências que ocorrem da presença de um sobre o outro, e na perceção que o público tem sobre ambas. As obras que serão apresentadas nesta exposição com curadoria de Alberto Guerreio e do próprio Thierry Ferreira, situam-se em articulação e continuidade do projeto de pesquisa artística de Thierry Ferreira, iniciado em 2016, intitulado “Habitar o mundo” e que já resultou em diversas exposições pelo país, nomeadamente: III Pistas II Obstáculos, Espaço Amoreiras, Lisboa 2018; “Descktop”, Forte de São Miguel, Nazaré 2018; “Depois do Degelo”, centro histórico da cidade da Guarda, 2019; “Habitar o Lugar” Politécnico de Leiria e Galeria do Banco das Artes 2020.
 
 
PROGRAMA COMPLETO AQUI - https://bit.ly/3mRrg4n