26
fev2022
21h30 Até 22h50

CICLO DE PIANO: PEDRO BURMESTER

Ourém
TEATRO MUNICIPAL DE OURÉM - SALA PRINCIPAL
Animação Cultural Música

Sinopse

Pedro Burmester nasceu no Porto em 1963. Deu o seu primeiro recital aos 10 anos de idade, tendo atuado, desde então, como solista, em música de câmara e com Orquestra por todo o mundo. Foi aluno de Helena Costa durante 10 anos. Aperfeiçoou os seus estudos nos Estados Unidos com Sequeira Costa, Léon Fleisher e Dimitri Paperno. Participou em Masterclasses de Jurg Demus, Aldo Ciccolini, Karl Engel, Vladimir Ashkenazy, Tatjana Nikolaiewa e Elisabeth Leonskaia. Pedro Burmester ganhou o 2° prémio Vianna da Mota. Em 1989, recebeu o prémio especial do júri do concurso Van Cliburn, nos Estados Unidos. É igualmente distinguido com o prémio Moreira de Sá e a medalha de prata Robert Schumann. Foi bolseiro do Ministério da Cultura da Áustria e frequentou os Cursos de Verão de Salzburg, durante 10 anos consecutivos. Atuou no "92nd Y" em Nova Iorque, no festival de Belfast, na Salle Gaveau em Paris, em Colónia, no festival Radio France Montpellier. Foi convidado por Heinrich Schiff para tocar com a Northern Sinfonia. Deu recitais para a Rádio de Bremen, WDRKoln e atuou ainda com a Orquestra de Liège, a Orquestra do Théâtre Royal de la Monnaie em Bruxelas, a Filarmónica de Zagreb, a Australian Chamber Orchestra, a Filarmónica de Roterdão e a Sinfonia Varsóvia. Foi ainda convidado para tocar com a Orquestra Sinfónica de Londres, sob a direção do Maestro Georg Solti. Pedro Burmester partilhou os palcos com mais de 50 maestros, entre os quais, Joana Carneiro, Franz Bruggen, Gianadrea Noseda, Paavo Jarvi, Jan Latham Konig, Georg Solti, Leon Fleisher, Muhai Tang, Lothar Zagrosek, Peter Csaba, Josep Caballé Domenech, Martin André, Michael Zilm, Frans Bruggen, Leopold Hager, Baldur Bronnimann e Peter Rundel. Foi solista com praticamente todas as orquestras portuguesas e em formação de música de câmara. Pedro Burmester já atuou com Mário Laginha, António Saiote, Gerardo Ribeiro, Paulo Gaio Lima, Anner Bylsma, Thomas Zehetmair e Quarteto Prazak, Tokyo String Quartett e Augustin Dumay, entre outros. Desde 1989 dá formação, com regularidade, em masterclasses e seminários, nas diversas instituições de ensino e cursos de música, tais como, no Curso Internacional de Música do Estoril; na Academia de Música de Espinho; no Conservatório de Música do Porto; no Porto PianoFest; no Festival Internacional de Campos de Jordão no Brasil; no IKFEM - Festival do Teclado de la Eurociudad em Tui, Espanha. Em 1990, foi condecorado com o Grau de Cavaleiro da Ordem de Santiago de Espada, pelo Presidente da República Mário Soares e em 2006 o Presidente da República Portuguesa Jorge Sampaio condecorou-o com o Grau de Comendador pela Ordem do Infante D. Henrique. Em janeiro de 2000, Pedro Burmester decide interromper quase por completo toda a sua atividade docente e de concertista para se dedicar inteiramente ao projeto da Casa da Música, no Porto. Assim, entre janeiro de 2000 e julho de 2003 foi membro da Comissão Executiva do Conselho de Administração da Casa da Música Porto 2001, S.A. sendo responsável pela área da Programação Musical e responsável pelo projeto "Casa da Música". Entre 2006 e 2008 exerceu funções de Diretor Artístico e de Educação da Fundação Casa da Música. É, desde 2010, docente da cadeira de Piano (licenciaturas e mestrados) e de Música de Câmara na ESMAE - Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo, no Porto.

Outras informações

Horários: 21:30h

Classificação etária: M/6

Público: geral

Duração: 80 minutos

Preço: 7,50€ c/descontos

https://www.facebook.com/teatromunicipalourem