10
abr2021
18h00
Até
18
jul2021 domingo
13h00

Exposição de Fotografia "inFLOREScências" de Francisco Fidalgo Félix

Peniche
Museu da Renda de Bilros de Peniche Museu da Renda de Bilros de Peniche
Fotografia

Sinopse

No próximo sábado – 10 de abril - o Museu da Renda de Bilros de Peniche inaugura a exposição de fotografia “inFLOREScências”, de Francisco Fidalgo Félix.

Com formação académica assente fundamentalmente nas Ciências da Terra e da Vida para o Ensino, as exposições de fotografia que apresentou até ao momento abordaram aspetos ligados ao património geológico, sob as perspetivas estética e didático-pedagógica. Nesta mostra, pretende efetuar mais uma incursão ao nível da divulgação do património natural, centrando-se no colorido e na forma das flores que foi encontrando nos passeios fotográficos que habitualmente desenvolve, nomeadamente no Concelho de Peniche.

Desde 2013 que publica fotografias no Facebook, dando também relevância ao património biológico, nomeadamente à vertente florística. Dada a recetividade das propostas, decidiu selecionar um conjunto de imagens que de alguma forma mostrassem a diversidade de flores que muitas vezes passa despercebida, associando também um ou outro apontamento no que respeita aos insetos polinizadores, chamando assim a atenção para a importância destes na reprodução sexuada das plantas.

Cada fotografia é acompanhada por um título, local onde foi captada e data.

Esta exposição, visitável de terça a sexta-feira das 10h às 13h e das 14h às 18h e aos sábados e domingos das 10h às 13h, estará patente até 18 de julho deste ano.

Ficha técnica

No texto introdutório à mostra fotográfica, o autor alude ao significado da palavra em que assenta o título da exposição – Inflorescência:

> Maneira como as flores estão dispostas numa planta;
> Grupo de flores (não separadas entre si por folhas normais) e o respetivo eixo de inserção.

 

Apontamento biográfico

Francisco Félix conta com cerca de duas centenas de fotografias publicadas no Banco de Imagens da Casa das Ciências.

Foi galardoado com o Prémio de Distinção na categoria de Fotografia, promovido pela Casa das Ciências, em dezembro de 2018, e, em abril de 2019, com o Prémio “Profissional do Ano” do Rotary Clube de Peniche, galardão associado à investigação, preservação e divulgação do Património Natural de Peniche. Em agosto de 2019, foi-lhe atribuída a Medalha de Mérito Municipal de Dedicação.

Colaborou em projetos de investigação envolvendo a Geologia de Peniche, integrando equipas do Departamento de Ciências da Terra da Universidade de Coimbra e do Departamento de Paleontologia da Universidad Complutense de Madrid. Pertence ao Conselho Científico da AGEO – Associação Geoparque Oeste.

Tem participado ativamente na divulgação e valorização do património natural do Concelho de Peniche, nomeadamente ao nível do património geológico e paleontológico.

Exposições nas quais participou:

> Exposição de fotografia Superfícies, texturas e pavimentos na orla costeira de Peniche.
> Exposição Fragmentos da Geologia de Peniche – Uma perspetiva estética.
> Exposição coletiva Arte [Des]Confinada.
> Exposição Identidade Territorial – Imaginário Visual da Região.