20
nov2021
00h00
Até
22
jan2022
23h59

Génesis Revisitado

Tomar
CEFT - Centro de Estudos em Fotografia de Tomar (Casa dos Cubos)
Fotografia

Sinopse

Exposição de Fotografia integrada na Semana da Fotografia de Tomar


O título desta exposição “Génesis Revisitado” alude ao mote central das duas últimas edições dos Encontros da Imagem, festival maior do panorama fotográfico português e europeu que comemorou este ano a sua 30ª edição, com quem o Centro de Estudos Fotografia Tomar tem a honra de colaborar pela primeira vez. Depois da interrupção face à pandemia de Covid 19, a Semana da Fotografia de Tomar retorna à Casa dos Cubos, onde estarão expostos 3 dos autores presentes na última edição do festival: Alisa Martynova apresenta Nowhere Near, que tem como tema central a migração de jovens africanos para o continente europeu; Benjamin Rasmussen e The Land That Never Has Been, sobre as questões ligadas à supremacia branca, e ao seu impacto na construção da identidade americana das diferentes comunidades, e finalmente, Vincen Beeckman, com um trabalho de revisitação e de fundo envolvimento com uma comunidade piscatória de Espinho. Em todos eles, além da qualidade artística, podemos assistir a trabalhos de profunda ética e integridade, onde o envolvimento e o respeito perante as comunidades, os retratados, as pessoas, assume um papel verdadeiramente inspirador, motivador, solidário. Adicionalmente, tratam-se de obras que nos convocam para a reflexão sobre fenômenos cruciais do viver contemporâneo, como a migração, o isolamento, a xenofobia, a indiferença e o desprezo perante a diferença do Outro, que ilustram a capacidade, a vitalidade, a diversidade da fotografia, em representar os desafios presentes.

Autores / Projectos, que integram a exposição:


Alisa Martynova, Nowhere Near
Esta série de imagens é fruto da ida ao encontro de jovens migrantes africanos, oriundos da Nigéria, Gâmbia, Costa do Marfim, e de outros países do Sul de África, que procuram chegar à Europa em busca do El Dorado. Se alguns encontram a sua promessa intacta, apesar dos sacrifícios, outros acabam num beco sem saída que lhes estilhaça os sonhos, alimentados durante as intermináveis noites de viagem.


Benjamin Rasmussen, The Land That Never Has Been
Trabalho fotográfico que explora o legado e os desdobramentos da supremacia branca nas comunidades nas quais o poder foi negado, na violência daqueles que defendem o status quo, na excludente identidade americana. Procurando a compreensão visual desse fenómeno, a exposição propõe e combina vários elementos, entre os quais textos, fotos tipo Polaroid que mostram os descendentes vivos de Tom Whiteshirt, o único sobrevivente de uma comunidade de indígenas americanos massacrados em 1864, fotos de pessoas que protestam contra o assassinato de Michael Brown, um homem negro, morto pela polícia, retratos de rainhas de concursos de beleza, pertencentes às comunidades que inicialmente viram negada a cidadania por causa da cor de pele, e que agora celebram a sua identidade.


Vincen Beeckman, Espinho
O ano de 2020 e a crise provocada pela pandemia de Covid-19 obrigou uma boa parte da população mundial a fechar-se em casa. Os dias pareceram meses e as semanas pareceram anos para os que se viram forçados ao encerramento compulsivo. Mas o que diriam aqueles que vivem em confinamento toda a sua vida? Um confinamento diferente, é certo, mas um confinamento na mesma. Este é um desafio que nos poderíamos colocar ao pensar no bairro piscatório de Espinho. Com a geométrica organização que caracteriza a cidade, as paralelas e perpendiculares ruas que fazem o bairro encontram-se cercadas por todos os lados. Como se de uma aldeia gaulesa cercada pelos romanos se tratasse, o bairro piscatório de Espinho resiste.

Ficha técnica

Organização: CEFT/Centro de Estudos Fotografia Tomar
Parceiro: Encontros da Imagem - Festival Internacional de Fotografia e Artes Visuais

Outras informações

inauguração: sábado, 20 novembro, 17h00
horário: segunda a sexta, 10h00 às 12h00 e 14h00 às 17h00 | sábados e domingos, 14h00 às 17h00