22
mai2021
00h00
Até
23
mai2021 domingo
23h59

Mês do Marquês - Festival Pombalino

Pombal
Museu Marquês de Pombal - Praça Marquês de Pombal
Animação Cultural Monumentos Museus

Sinopse

 

Recriação de um evento alusivo à temática Festa, Cultura e Sociabilidade no Período Pombalino, que pretende
promover a vida e obra de Sebastião José de Carvalho e Mello e a sua época. A partir da criação de quadros inspirados no
século XVIII e com recurso à música, ao teatro e à dança, pretende-se a produção de espetáculos pluridisciplinares, que
recriem ambientes barrocos, nomeadamente um sarau do século XVIII, com música, dança e poesia; retratos da época
com quadros comentados do quotidiano e oficinas pedagógicas.

 

PROGRAMA

 

Sábado 22

 

14H30 - Oficina Perucas e Atavios do séc. XVIII 

Local: Museu Marquês de Pombal

Destinatários: M/ 6 anos 

Informações / inscrições: Duração 90 minutos / inscrições limitadas

Reservas: [email protected] | 236 210564

Sinopse: Na cultura ocidental, o homem tem-se exprimido através das modas que caracterizam cada época e que, para além da estética, revelam modos de vida; aspetos sociais, morais e éticos. No século XVIII, época da máscara, a ostentação é um elemento fundamental para a afirmação do poder. A cultura das aparências revela-se nos salões, nos bailes, nas festas, onde se destaca a teatralização da vida em sociedade, nomeadamente com o uso de perucas, toucados, empoados, sinais postiços e outros atavios, que caracterizam a vestimenta deste período.

Partindo da realidade setecentista, nesta oficina os participantes são motivados para a construção de perucas e outros enfeites, como flores e laços para o cabelo, gargantilhas, jabots e punhos de renda, preparando-os para assistir a um verdadeiro sarau do século XVIII.

 

18H00 - Sarau Cultural do Século XVIII: Festa, cultura e sociabilidade no período pombalino

Local: Celeiro do Marquês (com Leve streaming do evento em facebook.com/MuseuMunicipalPombal)

Destinatários: Público em geral  

Informações / inscrições: Duração 90 minutos / Inscrições limitadas

Reservas: [email protected] | 236 210564

Sinopse: A ação centra-se na história do quotidiano do século XVIII, tendo como base a festa, a cultura e a sociabilidade na época pombalina. Neste período, em dias festivos, salienta-se a importância da música, da dança e da poesia, como forma de lazer, mas também de representação do poder. A sociedade da época reúne-se nas assembleias e serões, onde a poesia serve o convívio e a galanteria. O homem galante vai dedicando versos às damas que participam na festa, e estas respondem aos motes lançados no espaço de lazer. A narrativa assenta na história do século XVIII e na vida quotidiana das elites sociais do Portugal setecentista. As personagens interagem entre si, com os músicos e bailarinos presentes na festa, havendo uma personagem que vai procedendo à apresentação dos momentos musicais e das danças barrocas. O espetáculo será constituído por momentos de poesia, danças barrocas e canto acompanhado por música de cravo ou espineta, ao vivo, instrumentos usuais nesta época.

 

 

Domingo 23 

 

10H30 - Oficina Perucas e Atavios do séc. XVIII 

Local: Museu Marquês de Pombal

Destinatários: M/ 6 anos 

Informações / inscrições: Duração 90 minutos / Inscrições limitadas

Reservas: [email protected] | 236 210564

Sinopse: Na cultura ocidental, o homem tem-se exprimido através das modas que caracterizam cada época e que, para além da estética, revelam modos de vida; aspetos sociais, morais e éticos. No século XVIII, época da máscara, a ostentação é um elemento fundamental para a afirmação do poder. A cultura das aparências revela-se nos salões, nos bailes, nas festas, onde se destaca a teatralização da vida em sociedade, nomeadamente com o uso de perucas, toucados, empoados, sinais postiços e outros atavios, que caracterizam a vestimenta deste período.

Partindo da realidade setecentista, nesta oficina os participantes são motivados para a construção de perucas e outros enfeites, como flores e laços para o cabelo, gargantilhas, jabots e punhos de renda, preparando-os para participar em verdadeiras cenas do quotidiano pombalino.

 

16H00 – Retratos do Quotidiano do Século XVIII: A Cultura de salão no século das luzes

Local: Museu Marquês de Pombal |Celeiro do Marquês| Capela da Misericórdia

(com Leve streaming do evento em facebook.com/MuseuMunicipalPombal)

Destinatários: Público em geral  

Informações / inscrições: Duração 60 minutos / Inscrições limitadas

Reservas: [email protected] | 236 210564

Sinopse: Ação centrada na história do quotidiano do século XVIII, tendo como temática principal o Iluminismo, apresentada no Museu Marquês de Pombal, no Celeiro e na Capela da Misericórdia. Quadros vivos, com personagens da época, que transmitem informação sobre vários aspetos alusivos à cultura de salão no século das luzes, articulando-o com a realidade histórica de Pombal, onde se destaca a ação do Marquês de Pombal. As personagens interagem entre si e com os visitantes, que são levados a vivenciar este momento histórico de viragem para a modernidade. O público será conduzido por uma personagem guia, que estabelece o fio condutor entre cada cena, com temáticas próprias, como a reforma do ensino (Luís António Verney), a poesia da Arcádia Lusitana, o Terramoto, como elemento transformador do pensamento, o teatro e a música no tempo de Pombal, sociabilidade na segunda metade de setecentos, entre outros.