29
abr2022 sexta
21h30 Até 23h00

Pas de Quatre - Oficina Coreográfica

Torres Vedras
Teatro-cine de Torres Vedras
Dança

Sinopse

OFICINA COREOGRÁFICA  

A Oficina Coreográfica constitui-se enquanto dispositivo artístico que tem como finalidade o diálogo criativo e a partilha de experiências e conhecimentos que enriqueçam artisticamente os seus participantes e o seu pensamento em torno das práticas artísticas contemporâneas. Reconhecendo as distintas gramáticas de criação que caracterizam a Dança e a Música, a Oficina Coreográfica pretende estimular o cruzamento de sensibilidades, permitindo que jovens músicos e bailarinos em formação se relacionem num contexto artístico específico. 

 

PAS DE QUATRE 

DIA MUNDIAL DA DANÇA / 29 de Abril de 2022  

2ª edição 

 

14h | escolas | 2º e 3º ciclo e secundário 

21h30 | público em geral | maiores de 6 anos 

 

duração prevista: 50 minutos 

 

SINOPSE  

Numa criação original pensada em colectivo, PAS DE QUATRE apresenta-nos quatro coreografias que percorrem quatro períodos da História da Música: o Medieval, o Barroco, o Romântico e o Contemporâneo. 

 

Este percurso musical, interpretado pela Sociedade Filarmónica Ermegeirense, serve de estímulo ao movimento e é a base criativa de Maria Borges, Mónica Figueiredo, João Cabaça e Hugo Cabral Mendes revelada nos corpos dos bailarinos da Escola de Dança Movimento. 

 

Como ecoam na dança de hoje as sonoridades de cada um destes períodos da música?

FICHA ARTÍSTICA 

DIRECÇÃO ARTÍSTICA 

Magda Matias 

 

CONCEPÇÃO COREOGRÁFICA  

Maria Borges, Mónica Figueiredo, João Cabaça e Hugo Cabral Mendes 

 

DIRECÇÃO MUSICAL

Alberto Oliveira

 

INTÉRPRETES  

 

DANÇA Escola de Dança Movimento 

Ana Beatriz Ferreira Fonseca

Ânia von Hafe Andrade Fernandes de Oliveira

Bárbara Grou Brito

Carolina Correia Maria dos Santos

Francisca Maria Baltazar Viegas

Iara Garcia Sousa do Rosário

Inês de Oliveira Salvador

Inês Moroso Alexandre Serra

Júlia Duarte Miranda Santos

Lara Craveiro Dias

Madalena Martins Vasconcelos

Margarida Gonçalves Pereira Abelha

Maria de Sousa Malhado

Maria Eduarda Arruda Tenório

Maria Inês Santos Caetano

Maria Judite Tavares Rodrigues de Fraga Amado

Maria Leonor Figueiroa Rego Varela Malhado

Maria Pedro Vila Verde

Mariana Simões Fernandes

Matilde Poeira Jordão Cabral da Cruz

Patrícia Filipa Sousa Alfaia

Rosa Maria Alves Pereira Antunes

Tomé Ferrreira

 

MÚSICA Sociedade Filarmónica Ermegeirense 

 

Alberto Oliveira, maestro

Débora Bessa, flautas

Martim Fontes, flauta

Alexandra Franco, clarinete

Inês Correia, clarinete

Inês Marques, clarinete

Maria Jorge, clarinete

Matilde Santos, clarinete

João Lopes, saxofone alto

Raquel Duarte, saxofone alto

Vitória Santos, saxofone alto

Renato Oliveira, trombone

Fabion Marques, Eufónio

Guilherme Oliveira, Eufónio

Miguel Terêncio, percussão

Pedro Duarte, percussão

 

 

CENOGRAFIA 

Alunos de Cenografia da Associação ESTUFA com orientação de Tânia Clímaco 

 

COPRODUÇÃO 

Associação ESTUFA e Teatro-Cine de Torres Vedras 

 

 

COPRODUÇÂO

ESTUFA e TEATRO-CINE DE TORRES VEDRAS

 

PARCERIA ARTÍSTICA

SOCIEDADE FILARMÓNICA ERMEGEIRENSE

 

APOIO INSTITUCIONAL

CMTV – Câmara Municipal de Torres Vedras

 

APOIOS 

A3 ARTES GRÁFICAS

PUBLICORTE

FISIOESTE

MAGNA SOCIEDADE ADVOGADOS

CYCLOPNET

KMP

ALENCASTRE.NET

RASCUNHO DESIGN