11
nov2022 sexta
21h30 Até 22h30

The Bradley Theodore Show

Leiria
Teatro José Lúcio Da Silva Teatro José Lúcio Da Silva
Dança

Sinopse

“Memories are like bones…stay eternal!”
(Cláudia Martins e Rafael Carriço)

Com autoria dos coreógrafos Cláudia Martins e Rafael Carriço, esta criação nasce de uma parceria artística entre a companhia portuguesa Vortice Dance Company, e o pintor Bradley Theodore, natural de Turks and Caicos e residente em Nova York.
A peça é um mergulho profundo no universo criativo de Bradley Theodore. Evocando a universalidade da cor, esqueletos, pop stars, ícones e celebridades, Theodore destila figuras a formas esqueléticas. Um confronto a que o artista chama de “um ato de viver”, trazendo a cor para expressar a memória, a emoção e experiências vividas. Cláudia Martins e Rafael Carriço “agarram” esse “ato de viver” dando corpo a uma criação fascinante, que pela força da dança e da pintura, recria os meandros de uma vida e de um estilo que se auto imortaliza a cada obra que nasce.
Num paralelismo cru e mundano com as suas próprias existências, feitas de flashbacks, de impulsos criativos, momentos in e out,… os coreógrafos através da obra de Bradley Theodore, trazem-nos a vida com a certeza da morte, que bate numa latência branda, em pano de fundo e que nos assombra nos momentos de maior solidão. Trazem-nos também as emoções refletidas em cada cor, as memórias, as pessoas e as minudências que se esquecem entre o acordar e desacordar dos melhores sonhos. Uma tela em branco que ganha cor com o fashionismo, as personagens, as pop star, os ícones e a genialidade da pintura de Bradley Theodore.

“….disse uma vez a uma revista, tinha duas opções na minha cabeça: ou mato-me ou vou pintar….. então, decidi pintar!…acordava e todos os dias pintava qualquer coisa. Estive cerca de um ano literalmente sem falar com ninguém.”
“…estava a pintar com tanta frequência que me lesionei no ombro direito, devido aos movimentos repetitivos”.
“…o meu primeiro mural (Anna and Karl, 2013) foi a primeira vez que alguém viu as minhas pinturas. Do momento em que o coloquei na parede, foi como um incêndio.”
“O crânio para mim, simboliza o espírito de uma pessoa. É como se eu estivesse a envolver-lhe a alma, em torno do seu sistema esquelético.” Bradley Theodore

 

ESPETÁCULO APOIADO PELA DGARTES/ RTCP

Ficha técnica

DIREÇÃO ARTÍSTICA Cláudia Martins & Rafael Carriço
COREOGRAFIA | VIDEOGRAFIA Cláudia Martins & Rafael Carriço
PINTURAS Bradley Theodore
FIGURINOS Cláudia Martins
FOTOGRAFIA Sérgio Claro
MUSICA Bradley Theodore and Phillip Damien Gaines
SONOPLASTIA Rafael Carriço
BAILARINOS Vortice Dance Company
DIREÇÃO TÉCNICA Paulo Formiga